Categorias
Geral Noticias

UOL completa 25 e anuncia sua nova marca

O UOL, maior empresa brasileira de conteúdo, tecnologia e serviços digitais, completa 25 anos hoje, 28 de abril. Com uma trajetória marcada por inovação, a empresa não parou de se reinventar ao longo dos anos: batendo recordes de audiência, criando soluções que ajudam as pessoas, promovendo novas formas de consumir conteúdo, além de levar informação de credibilidade a todos. E para celebrar a data e acompanhar essas transformações, o UOL anuncia sua nova marca.

A mudança reflete o atual momento da companhia, que vem se reinventando com novos podcasts, programas em vídeo, documentários e produtos e serviços digitais, unindo a sua credibilidade à inovação. Com uma nova logomarca, que possui cores vibrantes e fonte com maior personalidade, a mudança sintetiza o compromisso de gerar diversas conexões entre cada brasileiro e o seu universo, informando, entretendo e facilitando a vida de cada um, reforçando principalmente sua essência genuinamente brasileira. O movimento é endossado por uma nova tagline: “seu universo online”.

“Aos 25 anos, o UOL reúne a experiência de uma empresa sólida e a jovialidade de um público inquieto e ávido por inovação. Somos a maior plataforma de conteúdo e serviços digitais do país, e nos sentimos muito felizes em permitir que o brasileiro se encontre ao se ver retratado em nossos canais, sempre a partir dos critérios de qualidade e independência que consolidaram nossa reputação e credibilidade”, afirma Paulo Samia, CEO do UOL Conteúdo e Serviços. Murilo Garavello, Diretor de Conteúdo do UOL, completa: “Os novos 25 começam agora e o nosso foco é a produção de vídeos”.

Nesta nova fase, o UOL também reforça sua expertise em conteúdo com o lançamento do Canal UOL. A empresa pretende criar mais de 2 mil horas em vídeo de conteúdo jornalístico, esportivo e de entretenimento, sendo que 75% deste montante será produzido ao vivo.

Recentemente, a marca lançou a segunda temporada de OtaLab, programa de entretenimento apresentado ao vivo por Otaviano Costa, em um estúdio montado na própria casa do artista, bem como “Brasil com Zeca”, programa de entretenimento e culinária liderado por Zeca Camargo. Há ainda uma agenda completa de estreias previstas para ocorrer ao longo de todo o ano, todas hospedadas no Canal UOL.

A empresa também investe de maneira sólida na evolução do UOL Play, a plataforma de streaming de vídeo do UOL, que acaba de integrar a programação ao vivo de canais lineares ao seu portfólio, e ainda terá outros lançamentos previstos para os próximos meses.

Samia dá detalhes sobre suas projeções para a companhia: “Temos hoje uma marca singular, reconhecida amplamente pelo país, entre leitores, parceiros e clientes. Vamos ampliar nossos investimentos em conteúdo, além de consolidar as soluções de tecnologia, como o UOL Meu Negócio, que conta com produtos e conteúdo para todas as etapas do pequeno negócio, com serviços de presença na internet, e-commerce, gestão de negócios e marketing digital; o UOL ads, uma plataforma self-service de compra de mídia, criada para facilitar a publicidade das pequenas e médias empresas do país, possibilitando a todos anunciarem nas páginas do UOL”.

O reposicionamento do UOL ocorre em meio a um contexto de expansão acelerada da companhia . O UOL teve, em 2020, sua maior receita de todos os tempos em publicidade, com crescimento de duplo dígito, impulsionado pelo investimento de conteúdos próprios e novos projetos de branded content. A empresa ainda viu sua audiência atingir recordes seguidos por conta da cobertura editorial da pandemia do coronavírus no Brasil – com mais de 114 milhões de visitantes únicos/mês, o site cobre 94% da internet brasileira.  As novidades endossam a relevância do UOL como um dos maiores publishers de conteúdo do país. Além de seus canais oficiais, atualmente a marca também conta com mais de 300 sites parceiros e 100 blogs de colunistas e analistas sobre os mais variados assuntos.

#ClickFato #ClaudeLopes #UolNovaMarca #UOL25anos

Categorias
Geral Noticias

Rádio Capital faz rebrand e agora é Capital Multiplataforma

Após 43 anos de existência, a rádio Capital passa a se chamar Capital Multiplataforma. Para esse novo momento a empresa passou por uma transformação de identidade visual de toda sua estrutura. Cada programa da grade também ganhou uma nova identidade visual para combinar com o conteúdo apresentado. Todos os estudos e pesquisas com a audiência para o desenvolvimento desse rebrand foram desenvolvidos pelo designer Daniel Pessoa.

“Pensando no mundo moderno e tecnológico que nos rodeia, a marca começou um novo posicionamento em sua grade de programação e nas redes sociais, interagindo com seus ouvintes e telespectadores de forma mais descontraída, trazendo o público para mais perto e transformando os chats de suas lives em uma grande sala de estar onde se recebe os amigos,” assinala Daniel.

A transformação se deu também porque a Capital Multiplataforma, que está presente no dial (1040 kHz AM), pode ser vista atualmente pelo app e pelas redes de streaming da emissora como Facebook e no Youtube.

Pesquisas e estudos de personas definiram cores e formas
Uma das características da audiência da Capital Multiplataforma é a fidelidade. As pessoas ouvem a grade inteira e

debatem com os apresentadores. “Fizemos pesquisas sobre cada ouvinte que acompanha a rádio. Para cada programa foram pensadas cores e formas específicas para agradar os perfis da audiência de cada programa e de cada apresentador,” descreve Pessoa.

O designer Daniel Pessoa salienta que foram necessárias algumas pesquisas para a criação de personas específicas para cada programa, esses estudos ajudavam a definir o sexo, idade, região onde moram e o que cada ouvinte da rádio preza. “Era preciso conhecer o nosso público, para que pudéssemos desenhar novas campanhas, desenvolver o novo posicionamento dos influenciadores e claro abrir portas para as novidades que a rádio planeja.”

A emissora pesquisou minuciosamente o ouvinte do aplicativo, os ouvintes que assistem às lives do Youtube e do Facebook e quem eram os ouvintes que acompanham pelo dial da AM. O perfil dessas personas foi construído a partir de um estudo grande e minucioso com técnicas de SEO e de posicionamento de branding.

 

A logo institucional foi atualizada. O tom de azul que era utilizado foi suavizado para ficar mais moderno e passar mais confiança, segurança e claro a calma que precisamos no mundo atual, além disso foi retirado o shader 3d que era moda no início dos anos 2.000. Com isso a marca ganhou novo modelo 2D, compacto e flexível.

Pessoa explica que a mudança não está apenas nos logos, mas em toda a dinâmica da rádio, as postagens nas redes sociais, playlists no Youtube de cada programa, sem contar com o Reality Capital Festa Sertaneja que abriu várias portas com novos parceiros para a rádio.

Daniel Pessoa
Experiente, Pessoa foi responsável por desenvolver artes para musicais e identidade de marca de quadros do Domingão do Faustão e do Altas Horas e atuou junto ao jornalismo da Rede Globo em frentes como o GNews, SPTV, Jornal Nacional, Jornal da Globo e Fantástico, além do programa Bem-Estar.

O profissional chegou à Capital há três meses para capitanear a adequação do design e posicionamento da marca da emissora frente às transformações decorrentes da incorporação de inovações tecnológicas e novas formas de chegar à sua audiência.

A Capital está fazendo ainda alguns estudos de televisão. O objetivo é que cada programa seja ainda mais atrativo, mais bonito e mais acolhedor para os nossos ouvintes. O primeiro programa a entrar nesse formato de grade foi o “Tá no ar com Vinny” e o “Reality Capital Festa Sertaneja”, que é um case de sucesso. “Não esperávamos algo tão grande como temos visto.”

Sobre a rádio Capital:
A Capital, rádio multiplataforma, estreou em 25 de janeiro de 1978, dia do aniversário da cidade de São Paulo. A emissora segue mantendo o estilo de se renovar a cada dia. O maior exemplo disso é a entrada no mundo digital. Hoje, além de sintonizar no dial AM do rádio, na frequência 1040 kHz, os ouvintes podem acompanhar a gigante pela internet e pelo celular. E isso não é simples coincidência: a Capital está atenta a tudo o que acontece no Brasil e no mundo, mas não perde suas raízes com a metrópole. A emissora tem jornalismo, esportes, comunicadores e uma eficiente equipe técnica, num estilo que faz do rádio o grande amigo de todos. Em busca de audiência, sem desprezar a ética.  Para acompanhar a programação, visite: https://www.capitalcomvoce.com.br/

#ClickFato #ClaudeLopes #RadioCapital #CapitalMultiplataforma #designerDanielPessoa

Categorias
Geral Noticias

T4F anuncia o fechamento do UnimedHall, antigo ‘CityBank Hall’ e ‘Credicard Hall’ em SP

Em meio à crise causada pela COVID-19, a produtora T4F informou nesta quarta-feira (31), o fechamento de uma das principais casas de shows do Brasil, o UnimedHall, antigo Citibank Hall e Credicard Hall – em São Paulo-SP.

A nota divulgada nas redes sociais, destaca: “Quantas histórias vivemos no UnimedHall. Quantas memórias criamos juntos. Quantos sorrisos e lagrimas de emoção vimos de perto. Quantos sentimentos”. “Em sinergia entre casa, público e artista, vimos os sonhos de milhares de fãs se tornarem reais. Do Rock ao Sertanejo, do Pagode à Bossa Nova, ao longo desses 23 anos de existência, mais de 3.500 apresentações de diferentes gêneros fizeram nossa história. Você deve estar entre os 12 milhões de amantes da música que passaram por aqui, sua presença foi parte essencial de tudo isso”.

O comunicado pontua ainda, “Hoje, este lindo capítulo chega ao fim. Fecham-se as cortinas de mais um palco no país, mas com a certeza de que marcamos época e passamos a fazer parte de muitas histórias, não só da música, mas da cidade, do país e da vida de cada pessoa que esteve ali”, e cita ainda diversos nomes de artistas que passaram pelo palco do Unimed.

@ClickFato  @claudelopes70

#ClickFato #ClaudeLopes  #UnimedHall  #TF4 #CitibankHall #CredicardHall

Categorias
Destaque Geral Noticias

Nando Cordel lança “Felicidade É Tudo Que a Gente Quer”, em parceria com Carlinhos Brown

Após quase nove anos dedicado a missões de paz e à música instrumental, Nando Cordel retoma seus projetos com foco na música popular brasileira com a canção “Felicidade É Tudo Que a Gente Quer“. E, para embalar ainda mais a pegada vibrante da música, o pernambucano convidou seu parceiro Carlinhos Brown para uma dobradinha na interpretação, resultando em uma canção dançante e alto astral.

“Eu estava totalmente dedicado aos meus projetos de música instrumental com foco em mensagens de paz e em trabalhos de meditação e mantra, inclusive com turnês no Brasil e na Europa. Mas, a pedido do público, entendi que agora é tempo de retomar meus lançamentos na música popular, trazendo ao nosso povo mensagens de alegria, coragem e consciência”, pondera Nando Cordel.

Feliz com o convite e com a proposta do trabalho, Carlinhos Brown ressalta sua identidade com o propósito do pernambucano. “Nando Cordel é tudo que a gente quer. E já não aguentava mais esperar os seus lançamentos, que sacodem de beleza e simplicidade a poesia nordestina. Tô muito contente dele ter me convidado para essa obra genuína. Me honra muito fazer parte do trabalho desse parceiro contemporâneo e a ele eu desejo toda boa sorte. Que bom ter Nando Cordel no nordeste do Brasil e do mundo”, enfatiza o baiano.

Inédita, “Felicidade É Tudo Que a Gente Quer” aborda, de forma leve, o tema a respeito da busca pela felicidade, tornando-se ainda mais expressiva, diante da realidade vivida por toda humanidade nos últimos meses, onde grande maioria passou por importantes processos de ressignificação da vida, dos seus propósitos, do seu verdadeiro sentido de felicidade.

“A canção faz um chamamento a todos para a consciência sobre a felicidade, sobre sua postura diante da vida e a importância da busca por rotas que lhe tragam a real vivência da felicidade”, enfatiza o pernambucano.

#ClickFato #ClaudeLopes #NandoCordeleCarlinhosBrown #FelicidadeETudoQueAGenteQuer

Categorias
Cultura Geral Noticias

Viver é melhor que sonhar – Os últimos caminhos de Belchior

Antônio Carlos Belchior é autor de um dos gestos mais intrigantes da história recente da Música Popular Brasileira. Artista respeitado, dono de um repertório do qual qualquer músico poderia se orgulhar, carreira de sucesso, padrão de vida confortável, cercado de amigos, cercado de mulheres. Com 60 anos recém-completos, deixou tudo isso para trás, rumo a uma jornada incerta e anônima pelo sul do país, que terminaria com sua morte dez anos depois. Não explicou a ninguém o motivo do seu desaparecimento, não pediu dinheiro emprestado aos amigos, só deu um telefonema a um dos filhos durante este período. Em companhia de uma nova produtora e amante, Edna Assunção de Araujo, de pseudônimo Edna Prometheu, percorreu dezenas de cidades, viu de longe seu patrimônio ir embora, foi caçado pela justiça e pela imprensa, dormiu em locais abandonados, dependeu da caridade de desconhecidos, foi expulso de casas por pessoas que o abrigavam, e não retrocedeu.

 

Por que Belchior agiu assim? Esta pergunta foi feita por muitos fãs, familiares, colegas e amigos. Um mistério para a maioria das pessoas que jamais compreenderam as motivações do artista. Esta mesma questão moveu particularmente dois jornalistas e doutorandos em Literatura no exato momento em que viviam uma transformação, em que se especializavam no mundo acadêmico com o intuito de se firmarem cada vez mais como pesquisadores, também fãs do cantor e interessados em mergulhar em suas origens. Assim nasceu este livro, que designamos road book por ter sido produzido enquanto percorríamos as paralelas anteriormente percorridas pelo nosso objeto de estudo.

Para chegar ao fundo desta questão, percorremos cidades por onde o cantor passou, antes e depois do sumiço. Fomos ao Rio Grande do Sul, seguimos para o Uruguai, depois para São Paulo e finalmente chegamos no Ceará. Andamos de trás para frente: fomos do lugar onde ele morreu até o lugar onde ele nasceu. Neste trajeto, entrevistamos pessoas que tiveram contato com ele, conhecemos locais onde ele se hospedou, dormimos em camas onde ele dormiu, reviramos suas malas deixadas para trás. Consultamos processos e documentos que levavam seu nome e anotações pessoais, perturbamos sua família com perguntas indiscretas, choramos com alguns depoimentos, entrevistamos suas amantes, seus advogados, seus amigos de infância. Ao longo da investigação, no entanto, não conseguimos distinguir os limites entre a vida íntima do homem e a vida pública do artista. Estava tudo embaralhado num mesmo cesto que era necessário examinar para compreender suas motivações mais profundas. Ao lado das músicas, dos livros, dos depoimentos, absorvemos também as fofocas, as picuinhas, as maledicências. Nossas facetas jornalísticas e pesquisadoras estavam separadas por uma linha bastante tênue.

 

Nas páginas do road book “Viver é melhor que sonhar – Os últimos caminhos de Belchior” (Sonora Editora) – que está em pré-venda e deve ser lançado entre fevereiro e março – o leitor vai acompanhar o nosso processo de descoberta. Um trajeto cheio de percalços, pequenas decepções, grandes alegrias, com muitas versões de uma mesma história narradas pelas diversas testemunhas que acompanharam a tragédia daquele grande artista. Nos dez últimos anos antes da sua morte, Belchior viveu de maneira insólita e extraordinária, conhecendo pessoas diversas, lugares interessantes e relações inusitadas, com fãs perplexos que abrigaram um astro da música em suas casas sem saber muito bem por que ele estava ali. Em parte, o astro buscou este caminho; em parte, foi conduzido a ele. Acompanhar os seus passos nos abriu para uma compreensão mais madura da existência de um grande artista, e da própria sociedade que o cerca. Esperamos que o leitor possa compartilhar esta descoberta.

Sobre os autores:
Formada em Jornalismo e em Letras (Português/Italiano), Chris Fuscaldo é escritora, jornalista e cantautora, além de mestra e doutora em Literatura, Cultura e Contemporaneidade. Trabalhou nos jornais Extra e O Globo, e colaborou para diversas revistas brasileiras, entre elas MTV e Rolling Stone. Em 2015, foi responsável pela pesquisa do livro “Rock in Rio 30 Anos” (Ed. 5W). No ano seguinte, estreou como escritora em “Discobiografia Legionária” (Ed. LeYa). Em 2017, estreou como cantora e compositora no álbum “Mundo Ficção”. Em 2018 lançou o livro “Discobiografia Mutante: Álbuns que Revolucionaram a Música Brasileira” (troféu Prêmio Profissionais da Música) e, com ele, fundou sua própria editora, a Garota FM Books.

Formado em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, mestre em Artes pela Universidade Federal Fluminense, doutor em Literatura Brasileira pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Marcelo Bortoloti organizou o livro “Correspondência Carlos Drummond de Andrade e Ribeiro Couto” (Ed. Unesp).

Sobre a pré-venda
“Viver é melhor que sonhar – Os últimos caminhos de Belchior” entrou em pré-venda na segunda-feira (18/01), através do site Benfeitoria (http://Benfei.to/belchior), com diversas recompensas (livro + camiseta; livro + book bag; livro + LP “Alucinação”; etc).

 

 

#ToNaMidia #ClaudeLopes #LivroVivereMelhorQueSonhar #OsUltimosCaminhosDeBelchior #ChrisFuscaldo #MarceloBortoloti

Categorias
Entretenimento Noticias Televisao

TV Cultura estreia três produções nacionais

Neste sábado (7/11), a TV Cultura amplia sua programação infanto-juvenil com três novas séries. Sempre destacando produções brasileiras, a emissora passa a exibir aos finais de semana as séries Foi Assim Foi Assado, Borboletas e Sereias e O Boneco de Barro e o Rei.

Foi Assim Foi Assado

A animação pernambucana Foi Assim Foi Assado, feita com recortes de revista, conta a história de Teresa, uma criança curiosa que vive em um mundo cheio de viagens interplanetárias, robôs que são casas e submarinos mágicos. No primeiro episódio, a garota decola com a casa foguete e com sua avó inventora para conhecer personagens da corrida espacial, como a cachorra Laika, e desbravar o universo, unindo ciência e imaginação. Vai ao ar aos sábados, a partir das 9h15.

Borboletas e Sereias

Com linguagem híbrida que mescla depoimentos com ficção, a série documental Borboletas e Sereiasaborda a construção da identidade na infância, tratando de questões de gênero, brincando com a liberdade e explorando universos coloridos e diversos. No episódio de estreia, crianças conversam sobre o que é ser criança. Será exibida aos sábados, a partir das 10h .

O Boneco de Barro e o Rei

A trama do seriado tocantinense de dramaturgia infantojuvenil O Boneco de Barro e o Rei gira em torno de Mestre Toá, um artesão que vivia feliz com sua esposa na província de Barrolândia. Já no primeiro episódio, sua mulher perde a vida ao dar luz a um bebê. Dez anos depois, a frágil criança, de quem o artesão cuidava sozinho, também falece. Desolado, Mestre Toá molda um boneco com argila e lágrimas e deixa a província, mas o boneco toma vida e parte em busca de respostas existenciais. A série vai ao ar aos sábados e domingos, a partir das 16h15.

#ClickFato #TVCultura #ProducaoNacional #FoiAssimFoiAssado #BorboletaseSereias #OBonecodeBarro #ORei

Categorias
Entretenimento Noticias

Caco Ciocler e Ney Matogrosso estão em “Boni Bonita”

A relação abusiva entre o roqueiro Rogério (Caco Ciocler) e a jovem Beatriz (interpretada por Ailín Salas) dá o tom ao longa-metragem “Boni Bonita”, que estreia dia 26 de novembro. O filme conta com a participação de Ney Matogrosso e Otto. A direção é de Daniel Barosa e a coprodução Brasil/Argentina tem produção brasileira de Nikolas Maciel da Nimboo’s, coprodução da Urano Films do Brasil e da Werner Cine da Argentina. A trilha sonora do trailer resgata o clássico “Cabeça Dinossauro” que dá o nome ao disco lançado em 1986 pelos Titãs.
O longa-metragem conta a história de Beatriz, uma garota de 17 anos de idade que, após a morte da mãe, é obrigada a se mudar da Argentina para o Brasil e morar com um pai ausente. Em busca de uma figura paterna, ela conhece Rogério, um músico rico de aproximadamente 38 anos, neto de um famoso cantor brasileiro da MPB, e que luta para honrar o legado musical de sua família. Os dois iniciam uma relação incomum.

“Boni Bonita” foi exibido e premiado em festivais internacionais como Mar Del Plata, Slamdance, Festin e Soundscreen.

Serviço
Boni Bonita
A partir de 26 de novembro nos cinemas
Veja o trailer

 

#ClickFato #CacoCiocler #NeyMatogrosso #BoniBonita

Categorias
Geral Noticias

Jornalista Luiz Carlos Gertel, morre aos 73 anos em SP

Faleceu nesta segunda-feira (2), o jornalista Luiz Carlos Gertel, 73 anos, em São Paulo. ele estava internado após sofrer uma queda em casa. A notícia foi lamentada hoje no programa “O Pulo do Gato” apresentado por Pedro Campos e Silvania Alves, programa o qual foi repórter por mais de 30 anos.

#ClickFato #LuizCarlosGertel #RadioBandeirantes

Categorias
Destaque Entretenimento Noticias

Prefeitura inaugura área de lazer no Sambódromo do Anhembi

A Prefeitura de São Paulo inaugurou neste sábado (31) uma área de lazer no Sambódromo do Anhembi, na Zona Norte da cidade de São Paulo. A gestão da área vai ser de responsabilidade da futura concessionária.

A data escolhida é a mesma marcada para a reabertura dos parques estaduais e municipais da cidade de São Paulo aos finais de semana, depois de meses de restrições impostas pela pandemia do coronavírus.

O projeto da São Paulo Turismo (SPTuris) adaptou os 100 mil m² de área para que se tornassem o espaço multiuso Arena de Lazer Sambódromo Anhembi, em um investimento de R$ 350 mil.

Segundo a gestão municipal, a prefeitura não teve custos com a implantação da área, que foi feita por contratos de manutenção que a SPTuris já têm e pela colaboração de parceiros privados. A expectativa é a de que o custo de manutenção seja de R$ 300 mil, e que o espaço entre na concessão do Anhembi.

Desde as 8 horas deste sábado, a pista onde desfilam as escolas de samba estão disponíveis para caminhada, assim como uma ciclofaixa de lazer com 2 km de extensão, implantada no contorno do sambódromo.

Há bicicletas, triciclos, long-boards e patins para locação, e os preços variam entre R$ 10 e R$ 30, dependendo do equipamento e tempo utilizado.

O setor A abriga uma quadra poliesportiva e, logo em frente, no setor J, há um memorial que terá exposições em parceria com a Liga das Escolas de Samba.

O outro extremo do sambódromo, conhecido como a área de concentração das alegorias durante o Carnaval, abriga agora uma área de 23 mil m² para skate, patins e patinete devido ao asfalto liso do local.

O setor B foi destinado a três foodtrucks, e carrinhos de pipocas e bebidas devem circular pela área.

A Prefeitura de São Paulo também planeja uma “Área Pet” e uma “Área Fitness” equipamentos de ginástica, além de um espaço para brinquedos infláveis e outras atrações, que dependem da captação de recursos por meio de parcerias ou patrocínio.

A programação estará sempre disponível no site do Anhembi

Acesso

A entrada é gratuita, mas em dias de evento privado, o espaço será fechado ao público.

O acesso pode ser feito pelas estações do Metrô, sendo a mais próxima a Portuguesa-Tietê da Linha 1-Azul, a 1,5 km de distância, pelos ônibus da linha 9717-10 Santana/Jardim Almanara a partir da estação Carandiru, e de bicicleta, pela ciclovia da Avenida Olavo Fontoura, que passa em frente ao Anhembi. Aos pedestres o acesso é feito pelo portão na Rua Milton Rodrigues.

Quem for de carro deve acessar o portão 38, na Avenida Olavo Fontoura. O valor do estacionamento é de R$ 10. Em dias de evento no Pavilhão de Exposições, o estacionamento será de R$ 40 para participantes e visitantes da Arena de Lazer.

 

Fonte: G1

Categorias
Destaque Geral Mídia Noticias

CBN contrata Rodrigo Bocardi e lança novo programa

A CBN vai lançar no dia 9 de novembro o Ponto Final CBN, novo programa diário da faixa das 17h às 20h.

Para comandar o jornal, a rádio contratou o jornalista Rodrigo Bocardi, desde 1999 na TV Globo, e apresentador desde 2013. Sua colega de bancada será Carolina Morand, atualmente editora e apresentadora do podcast Ao Ponto, do jornal O GLOBO. Ela volta à casa onde trabalhou por quase 20 anos e foi repórter, âncora e gerente de Jornalismo.

O Ponto Final CBN vai substituir o Jornal da CBN – 2ª edição e trará uma abordagem totalmente nova para o horário. O objetivo é estar sempre do lado dos ouvintes, com a participação da audiência em uma conversa constante para analisar as principais notícias do dia, sob um ponto de vista claro e firme, mas de um jeito informativo e descomplicado. Será um programa dinâmico, com foco nas notícias mais quentes do dia, com Bocardi em São Paulo e Morand no Rio de Janeiro.

Depois de assimilar a maravilhosa surpresa do convite para ocupar um lugar tão importante, estou ansioso para estar junto das pessoas que acompanham a CBN em todo o país. Quero ser a voz delas em torno da boa informação, com muita descontração“, diz Bocardi, que continuará também à frente do Bom Dia São Paulo e no Bom Dia Brasil, na TV Globo.

Para Morand, será um retorno a um meio que conhece muito bem. “É uma alegria voltar à CBN. No Ponto Final, teremos a missão de aprofundar e analisar os assuntos do dia, com muito conteúdo, mas também uma dose de leveza e bom humor” .

A atual âncora do JCBN2, Rosana Jatobá, terá um novo programa, o CBN Sustentabilidade, para trazer as principais notícias de ESG (Enviroment, Social e Governance, na sigla em inglês) e entrevistar os grandes nomes da área.

Fonte : InPress

#ClickFato #RadioCBN #JCBN2 #RosanaJatoba #PontoFinalCBN #RodrigoBocardi #CarolinaMorand