Categorias
Cidades Noticias

Em Itapevi, na Grande São Paulo, aulas e refeições no restaurante Bom Prato estão suspensas; cidade tem Centro de Combate ao Coronavírus

A Prefeitura de Itapevi criou na quinta-feira passada o Comitê de Monitoramento e Orientação de Medidas contra o coronavírus. Na sexta-feira foram publicadas as primeiras medidas e hoje, segunda-feira, 16, uma nova série de ações mais efetivas foram tomadas.

A que impactará o maior número de moradores é com relação à suspensão das aulas já na quarta-feira, 18 de março.  O restaurante Bom Prato também fechou desde quarta.

Todos os eventos culturais, esportivas e institucionais programados para março estão cancelados deste a sexta-feira, 13, e as aulas oferecidas pelas secretarias de cultura e esportes serão suspensas a partir de quarta-feira.

A Prefeitura também abriu crédito especial de R$ 1 milhão para ser utilizado pela saúde nos primeiros dias de combate ao coronavírus, suspendeu férias e licenças de todos servidores da saúde. Dez médicos estão sendo contratados em regime de urgência e conseguiu com Governo Federal mais cinco que serão encaminhados à cidade nos próximos dias.

Além disso, orienta as igrejas, os restaurantes e as praças de alimentações para que suspendam as atividades a partir da próxima sexta-feira, 20 de março.

Precisamos tomar decisões enérgicas agora para evitar a propagação. A China sofreu muito com o vírus por que demorou pelo menos três semanas para iniciar as decisões que estamos tomando agora. O quanto antes agirmos, menos será o número de moradores infectados“, destacou o prefeito Igor Soares.

Itapevi terá Centro de Combate ao Coronavírus funcionando na quarta-feira

Desde dia 18, funcion o Centro de Combate ao Coronavírus, na rua José Michelotti, 97, Vila Nova Itapevi. Espaço para atendimento exclusivo de moradores da cidade que apresentem sintomas da doença.

Objetivo é evitar que infectados aguardem atendimento nas demais unidades de saúde, correndo o risco de propagar ainda mais o vírus.

O Centro começou a ser adaptado no sábado, 14 de março, e funcionará 24 horas por dia, com médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem treinados para atendimento a sintomáticos do coronavírus.

Um dos locais com maior probabilidade de contrair o vírus é na unidade de saúde, enquanto o paciente aguarda ser atendido. Diante disso, estamos criando um centro específico, para dar agilidade ao atendimento, evitar o contato das pessoas infectadas com outras não infectadas e minimizar o avanço da doença no município“, explicou o prefeito Igor Soares.

Categorias
Cidades Noticias

Governo de SP vai acionar a justiça pra cobrar prejuízos da paralisação da Linha 15-Prata

O governo do Estado de São Paulo vai acionar a justiça para cobrar do Consórcio CEML todos os prejuízos decorrentes da paralisação da Linha 15-Prata, por problemas apresentados nos trens do monotrilho. A estimativa é que o prejuízo seja de R$ 1 milhão diariamente pela paralisação recomendada pela Bombardier no último dia 29/02. De acordo com o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, “o maior prejuízo é a população não ter a perspectiva de retorno de funcionamento do modal de transporte público, deixando trabalhadores e trabalhadoras sem o meio de transporte mais eficiente“.
Também será tratado com órgãos competentes na próxima semana, pedido de declaração de inidoneidade para o consórcio, proibindo as empresas de celebrarem novos contratos com poder público em todo o Brasil.
A decisão foi tomada como forma de cobrar os prejuízos e transtornos causados à população.
O Metrô mantém um gabinete de crise e acompanhamento das atividades de investigação da causa do incidente ao pneu e run flat do monotrilho, além de cobrar urgência na retomada da operação da linha com absoluta segurança.