Maluf tem doença grave, mas pode ser atendido na Papuda, atesta IML
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

A depender do resultado do Instituto Médico Legal (IML), vinculado à Polícia Civil do Distrito Federal, o deputado Paulo Maluf permanece preso no presídio da Papuda, em Brasília.

O instituto concluiu que, embora esteja acometido de “doenças graves”, não há impedimento para que ele cumpra a pena de prisão no Centro de Detenção Provisória (CDP) da Papuda, “desde que assistido pela equipe médica”.

Esse resultado, responde a questionamentos da defesa do parlamentar sobre a condição de saúde de Maluf.

As informações prestadas pelo IML foram apresentadas  ao juiz  Bruno Aielo Macacari no ultimo dia 08/01, a quem caberá decidir sobre um pedido da defesa para que o deputado cumpra a pena em casa.

Ele foi condenado no ano passado a 7 anos e 9 meses de prisão, em regime inicialmente fechado, por lavagem de dinheiro.

Os advogados de Maluf pedem a “prisão domiciliar humanitária” em razão de diversos problemas de saúde: um câncer de próstata, hérnia de disco, problemas cardíacos e movimentos limitados.

Alegam que a Papuda não tem condições de prestar socorro rápido ao deputado em caso de urgências e que a situação dele é “gravíssima”.

Para decidir sobre o pedido, a Vara de Execuções Penais de Brasília ainda deverá colher mais esclarecimentos da própria Papuda e avaliar a posição do Ministério Público.

 

Fonte: IMLDF e G1

clickfato
clickfato
Site de noticias em geral, sobre o cotidiano, voltado para noticias de cultura, entretenimento, música, politica, aviação e tecnologia. Informações inspiradoras, positivas e engraçadas também tem espaço. ► Entre em contato e envie o seu material: clickfato@gmail.com
%d blogueiros gostam disto: