Agnaldo Timóteo morre aos 84 anos, vítima da Covid-19
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Faleceu neste sábado (3), no Rio de Janeiro o cantor Agnaldo Timóteo, 84 anos, vítima de complicações da Covid-19. Agnaldo estava internado desde o dia 17 de março na UTI do Hospital Casa São Bernardo, na Zona Oeste do Rio, onde precisou ser entubado no último dia 27.

Conhecido como uma das vozes mais românticas do Brasil, na sua trajetória estão sucessos como: “Mamãe”, “Obrigado Querida”, “Meu grito”, “Verdes campos” e “A galeria do amor”. Nascido em 16 de outubro de 1936, na cidade Caratinga-MG, gravou mais de 50 discos.

Agnaldo também foi político, teve mandatos como deputado federal e vereador no Rio de Janeiro e São Paulo.

É com imenso pesar que comunicamos o FALECIMENTO do nosso querido e amado Agnaldo Timóteo. Agnaldo Timóteo não resistiu as complicações decorrentes do COVID-19 e faleceu hoje às 10:45 horas. Temos a convicção que Timóteo deu o seu Melhor para vencer essa batalha e a venceu! Agnaldo Timóteo viverá eternamente em nossos corações! A família agradece todo o apoio e profissionalismo da Rede Hospital Casa São Bernardo nessa batalha”, disse a nota publicada pela família.

 

@tonamidia  @claudelopes70

#ClickFato #ClaudeLopes  #AgnaldoTimoteo #MorreAgnaldoTimoteo #CaratingaMG #MeuGrito

Claudê Lopes
Claudê Lopes
Baiano de Itiúba, radicado em São Paulo há mais de 30 anos. Repórter, Web Designer, Produtor e Editor de conteúdo, Consultor Musical, Roteirista, Redator e Diretor de programa de Televisão.
%d blogueiros gostam disto: